GENEALOGIA - JOSÉ LUIZ NOGUEIRA 
Criar um Site Grátis Fantástico
DISTRITO DO RECHÃ
DISTRITO DO RECHÃ

DISTRITO DO RECHÃ

Atualizado em novembro de 2018

 

Distrito do Rechã — Foto: TV TEM

O Distrito do Rechã foi fundado em 1907 com o nome do bairro do Herval.

 

É o maior distrito de Itapetininga, com mais de seis mil moradores e fica a mais de 40 quilômetros do centro da cidade.

Faz divisa com o Distrito de Itapetininga, com o Distrito de Gramadinho, com o Distrito de Bom Retiro da Esperança, pertencente ao município de Angatuba, faz divisa também com o município de Angatuba.

O bairro cresceu movido pelas indústrias de transformação e pela pecuária que foi desenvolvida por donos de fazendas da região.

A lei municipal nº 3.080 de 11 de dezembro dispõe sobre as delimitações do perímetro urbano do Distrito do Rechã, onde consta que a Câmara Municipal de Itapetininga aprovou e o Prefeito José Carlos Tardelli sancionou e promulgou a lei.

Por ocasião de nossas pesquisas no Distrito, para constar em nosso livro da série GENEALOGIA DE UMA CIDADE – volume II – ITAPETININGA conhecemos a professora Sonia Letícia que trabalha na Escola Estadual Professor Virgílio Silveira naquele Distrito e nos informou ter efetuado diversos trabalhos de pesquisa sobre a história daquela localidade, possuindo muitas fotografias e tendo inclusive efetuado algumas exposições juntamente com alunos daquela escola.

Segundo ela o morador mais antigo que tinha no bairro do Herval era o senhor Turíbio de Souza.

O primeiro nome dado ao bairro foi Herval. Diziam que naquela região havia muitas ervas plantadas.

O distrito passou a se chamar Rechan, devido aos imigrantes franceses e portugueses que viveram no local.

Esse nome foi batizado pelos franceses que ali trabalhavam na época na colocação dos dormentes e trilhos para a Estrada de Ferro Sorocabana, com o nome de Rechan.

Foi em 1907 que o trem começou a passar pelo Rechan.

A estação foi inaugurada em 16 de outubro de 1907 com o nome de Estação Herval.

O nome da estação foi modificado em 1910 para Rechan. Quando houve a mudança de nome do bairro para RECHÃ, a estação também acertou o nome.

A mudança foi feita na Língua Portuguesa com a extinção do som nasal resultante das palavras com final “an” e sendo substituído por “ã”.

A palavra ainda manteve o significado "local baixo cercado por relevo, onde se encontram muitas ervas".

Em 1909 foi feito um embarcadouro para porcos, sendo que eram embarcados em grande quantidade nessa estação, a exemplo do que ocorria na próxima estação de Engenheiro Hermílio.

Passados mais de vinte anos sem nenhum movimento e com a extinção dos trens de passageiros do ramal, a estação foi restaurada em 1978 e passou a receber a receber o trem de passageiros Sorocaba-Apiaí, no final de 1997.

Muito embora esse trem somente passasse duas vezes por dia, ou seja, uma vez a noite por volta de 21 horas e outra as 9 horas da manhã, a estação estava sempre cheia de pessoas para ver o trem chegar, exatamente como há 100 anos atrás. Esse trem foi desativado em 2001. A estação ficou algum tempo abandona e toda pichada por vândalos.

A fábrica de sucos da Citrovita fica a cerca de um quilometro da estação.

 

Fonte: Livro Genealogia de uma cidade – volume II – Itapetininga de

José Luiz Nogueira – páginas 81 à 85

 

Segundo o presidente da Associação de Moradores do Distrito do Rechã, Sr. Araugo Araújo, a fazenda incentivava os funcionários a construir casas e foi para tentar resgatar o espírito de comunidade que a associação foi criada em 2009.

A associação atende cerca de 100 crianças entre 7 e 12 anos de idade.

O espaço é um dos poucos com atividades diferenciadas para os moradores feito com apoio de empresas parceiras.

“A comunidade aprendeu a se unir. A gente percebe que sempre foi difícil o poder público inserir alguma atividade aqui no bairro.

Então, a associação resolveu promover ações para a comunidade, tipo projetos sociais. A nossa arrecadação é 12% do PIB do município.

Com o tempo aquele gestor que puder olhar, acho que terá retorno, o que falta hoje é investimento em qualquer área”.

 

 Bairro do Rechã foi fundado em 1907 e é o maior Distrito de Itapetininga — Foto:  TV TEM

Além disso, a fundação do bairro está ligada à inauguração da estação de trem.

A área começou a funcionar em 1907 para transporte de cargas e passageiros e em 1997 ainda fazia a linha Sorocaba – Apiaí. A estação só foi desativada em 2001.

 Irene Rosa Cândido, de 87 anos, conta que se lembra do caminho dos trilhos, pois viajou inúmeras vezes de trem.

 “Quando eu comecei a conhecer tudo eu já via o trem passar. De vez em quando eu escuto e me dá uma saudade.

Naquele tempo ninguém tinha carro.

O trem era o único jeito de sair do bairro”.

Fundação do bairro Rechã está diretamente ligada à inauguração da estação de trem em Itapetininga — Foto: TV TEM

Ela ainda conta que sua avó foi criada em uma das fazendas que deram início ao bairro.

Os pais dela se conheceram no distrito. Atualmente, ela mora com a filha.

“Eu comentei com meu patrão ‘Eu nunca tive nada que me pertence', mas no Rechã eu tenho”.

 

Distrito do Rechã - Foto: TV TEM

Energia elétrica

A energia elétrica só chegou ao distrito em 1975. Sônia Letícia Vergueiro conta que tinha quatro anos de idade e que ela e outros sete irmãos nasceram e foram criados no bairro.

A chegada da luz até as casas, segundo ela, foi um dos maiores eventos para a comunidade.

“Foi na frente da minha casa. Então, foi dia de festa. As pessoas até se arrumaram. É disso que estamos precisando. De mais união para que a gente possa acreditar mais nos outros, que a comunidade possa acreditar”, diz.

Distrito do Rechã em Itapetininga — Foto: TV TEM

 

A TV TEM de Itapetininga gravou um breve relato sobre o Distrito do Rechã e vamos assistir neste link:

https://g1.globo.com/sp/itapetininga-regiao/bairro-ideal/noticia/2018/11/19/distrito-do-recha-e-escolhido-para-receber-o-bairro-ideal-em-itapetininga.ghtml

Voce pode saber muito mais ainda consultando este site:

                          https://www.recha.online/

 

Veja ainda: https://www.recha.online/post/da-it%C3%A1lia-c%C3%A1rmine-barretti-projeta-o-distrito-de-rech%C3%A3

 

 

 

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
3




Partilhe esta Página



PARTICIPE

AJUDE-NOS A MANTER ATUALIZADA AS INFORMAÇÕES DESTE SITE

 

ESCREVA-NOS

 

CONTO COM SUA AJUDA

 

JOSÉ LUIZ NOGUEIRA

 

 

 

 




Total de visitas: 911717